04 setembro, 2005

Flores

-QUANTAS FLORES EU TE DARIA,
SE A ETERNIDADE A MIM PERTENCESSE,
E EM TODAS PRA TI EU LEVARIA,
O MEU AMOR ENQUANTO VIVESSE,

TODO DIA PERFUME DE TI EU COLHESSE,
JARDIM DA MINHA VIDA TU SERIA,
MAS DE TUDO O QUANTO EU QUERIA,
QUE SEU AMOR POR MIM FLORESCESSE,

TÃO QUÃO PERFEITA É A ROSA,
DOCE PERFUME QUE EXALA DO CAMPO,
MAS PERTO DE TI MINHA CHEIROSA,
SÓ VOCE TEM ESTE ENCANTO.
online